Ouça agora Bohemian Rhapsody em áudio 3D (Binaural)

Que tal ter uma experiência diferenciada com um som já conhecido? Pegue um excelente fone e curta essa versão binaural de Bohemian Rhapsody!

Áudios binaurais são produzidos com uma técnica de gravação e reprodução sonora bastante interessante, pois, com apenas dois microfones, cria-se o efeito de som ambiente. Para a gravação são colocados dois microfones acoplados à cabeça de um manequim. Os microfones devem ser colocados na posição das orelhas. A banda Pink Floyd tem um álbum gravado com essa técnica o The Final Cut.

Apesar de ainda surpreender muitas pessoas que escutam pela primeira vez esse tipo de áudio, a gravação binaural não é muito recente. O primeiro uso da tecnologia foi feito em 1881, em um sistema conhecido como Théâtrophone, serviço francês que permitia aos seus assinantes ouvir teatro e shows de ópera pelo telefone, com a ajuda de um headset especial, que levava o som aos dois ouvidos.

Um detalhe importante é que o efeito não é perceptível quando reproduzido em alto-falantes. Para percebê-lo claramente é necessário ouvi-lo por meio de fones de ouvido.